O que é Lightning Network?

A Lightning Network é um sistema descentralizado para micro pagamentos instantâneos de grande volume, que elimina o risco de delegar a custódia dos fundos a terceiros.
Lightning Network

Com esta nova tecnologia, é possível avançar em direção à tão esperada escalabilidade da blockchain do Bitcoin. O objetivo fundamental da Lightning Network é desobstruir a blockchain principal, utilizando seus canais de pagamento.



As principais vantagens da Lightning Network são:

-Escalabilidade.

-Velocidade de processamento.

-Baixas tarifas.

-Micropagamentos.

-Privacidade e segurança.



Introdução

A escalabilidade é um dos maiores desafios enfrentados pelas diferentes blockchains. O Bitcoin é a blockchain com o maior tráfego, tornando urgente encontrar uma solução que aumente a escalabilidade e reduza o congestionamento desta blockchain.

A Lightning Network é um sistema descentralizado para micro pagamentos instantâneos de alto volume que elimina o risco de delegar a custódia dos fundos a terceiros. Essa solução, além de aumentar a escalabilidade do Bitcoin, permite que pequenos pagamentos sejam realizados com tempos de transação muito menores. As operações gerenciadas pela Lightning Network ocorrem fora da cadeia principal do Bitcoin, reduzindo assim a congestionamento e a latência da rede.

História da Lightning Network

A seguir, resumimos a trajetória dessa tecnologia até o momento:

2009: Tudo começou neste ano, quando Satoshi Nakamoto trocou uma série de e-mails com o desenvolvedor Mike Hearn, discutindo a escalabilidade do Bitcoin e as possíveis soluções que poderiam ser aplicadas com a tecnologia disponível naquele momento.

2015: Dois pesquisadores, Thaddeus Dryja e Joseph Poon, apresentaram no artigo "The Bitcoin Lightning Network" sua ideia sobre os canais de pagamento, uma solução que Nakamoto havia discutido com Hearn em seus e-mails.

2016: Dryja e Poon fundaram a empresa Lightning Labs, dedicada ao desenvolvimento da Lightning Network e que atualmente oferece uma ampla gama de produtos focados na escalabilidade e relacionados ao Bitcoin. No mesmo ano, a primeira transação através dos famosos canais de pagamento, que implementam essa solução, foi realizada com sucesso entre os desenvolvedores Joseph Poon e Elizabeth Stark.

Lightning Network
Fonte: Lightning Labs

2018: O lançamento da versão beta da Lightning Network acontece. A partir deste ano, o desenvolvimento dessa tecnologia continuou e, até a data de publicação deste texto, o trabalho de otimização e criação de diferentes aplicações e carteiras compatíveis com ela ainda está em andamento.

Funcionamento

O funcionamento da Lightning Network é baseado em canais de pagamento bidirecionais criados fora da blockchain principal, o Bitcoin. Através desses canais de pagamento, as transações se tornam mais rápidas e econômicas, sem sobrecarregar a rede principal. Aqui está um resumo em quatro etapas:

  • Abertura do canal: Duas partes concordam em abrir um canal para realizar uma ou várias transações. Para isso, é necessário fazer um acordo sobre os termos e condições, bem como a quantidade de fundos a serem bloqueados. Esses termos e condições, juntamente com a quantidade de fundos a serem bloqueados, são definidos nos contratos inteligentes da Lightning Network, que são baseados em scripts do Bitcoin.
  • Transações off-chain: Uma vez que o canal de pagamento é aberto, as transações são realizadas fora da cadeia de blocos do Bitcoin, permitindo maior velocidade no processamento e desafogando a rede principal.
  • Fundos bloqueados: Este conceito representa a quantidade total de fundos acordados para bloqueio, para lastrear todas as transações realizadas dentro do canal, não apenas um pagamento específico. Esse bloqueio de fundos fornece segurança às transações e reduz o risco de fraude. O saldo dos fundos bloqueados é atualizado à medida que as transações são realizadas no canal.
  • Fechamento do canal: O canal pode ser fechado a qualquer momento, mediante acordo mútuo das partes (embora o fechamento unilateral também seja possível). Nesse momento, uma última transação será registrada na cadeia de blocos do Bitcoin, especificando as quantidades para cada uma das partes. Essa transação marca o fim do canal.

É importante destacar que não é necessário que exista um canal de pagamento direto entre duas partes para que uma transação seja realizada. Ela pode ser conduzida através de múltiplos canais interconectados já existentes.

Vantagens e desvantagens

Vantagens:

  • Escalabilidade: Permite que a blockchain do Bitcoin seja mais escalável, ao processar as transações fora da rede principal, evitando o congestionamento da rede e melhorando sua capacidade de processamento.
  • Velocidade: A velocidade de processamento das transações é muito maior ao serem realizadas fora da rede principal.
  • Taxas baixas: As taxas de processamento da Lightning Network são significativamente menores do que as da rede principal do Bitcoin.
  • Micropagamentos: Graças às baixas taxas e à velocidade de processamento, essa tecnologia permite a realização de pagamentos muito pequenos de forma rápida e com baixo custo.
  • Privacidade e segurança: Ao processar as transações fora da rede principal, os detalhes de cada uma delas não são acessíveis, aumentando a privacidade e segurança dos dados.

Desvantagens:

  • Liquidez: Para realizar as transações, é necessário bloquear uma quantidade de bitcoin no canal de pagamento, o que pode ser um problema, pois muitos usuários podem não ter essa liquidez disponível.
  • Complexidade de uso: O uso da Lightning Network pode ser um pouco complicado para usuários menos técnicos, pois requer o gerenciamento e configuração dos canais de pagamento com os quais podem não estar familiarizados.
  • Adoção: Embora essa nova tecnologia tenha tido uma adoção meteórica, ainda não é tão amplamente adotada quanto o Bitcoin, o que pode resultar em alguns exchanges ou carteiras digitais não serem compatíveis com ela.

Mais informações

Se você deseja se aprofundar em algum tema sobre esta tecnologia, pode fazê-lo em sua página oficial, consultando o white paper aqui.

Comparte nuestro artículo:
LinkedIn
Facebook
Twitter
Reddit
Telegram
WhatsApp
Email
Más sobre:

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Este sitio esta protegido por reCAPTCHA y laPolítica de privacidady losTérminos del servicio de Googlese aplican.

El periodo de verificación de reCAPTCHA ha caducado. Por favor, recarga la página.

Te puede interesar